Criopeeling para o tratamento de Acnes


Criopeeling para tratamento de Acnes - Técnica inovadora e eficaz

Criopeeling para tratamento de Acnes – Técnica inovadora e eficaz

As acnes estão no ranking dos maiores problemas relatados em consultórios de dermatologia e clínicas estéticas. Isso porque elas são capazes de afetar completamente a autoestima e a confiança dos pacientes e se tornam prioridade de tratamento quando atingem níveis alarmantes.

Pensando nisso, os profissionais atuais têm cada vez mais responsabilidade de se adequarem às novas tecnologias a fim de levar o melhor da modernidade para dentro de seus consultórios.

Nesse contexto, no artigo de hoje iremos apresentar o Criopeeling para tratamento de Acnes em qualquer grau e quantidade.

Confira o que separei para você logo abaixo!

 

O que é o Criopeeling?

 

Como o próprio nome indica, o criopeeling é uma espécie de peeling, porém, um pouco mais superficial e menos invasivo.

Essa técnica vem fazendo bastante sucesso nos últimos anos, especialmente por ser pouco agressiva e sem restrições aos pacientes. Fazendo com que ela possa ser aproveitado por todos os perfis de pessoas.

De forma resumida, podemos dizer que essa técnica utiliza de baixas temperaturas para congelar a pele e fazê-la se renovar completamente logo na primeira sessão.

Esse resfriamento ocorre em um equipamento especial, um tipo de cilindro que leva o CO2 (ou dióxido de carbono) à sua temperatura mínima, que será aplicado diretamente nas células que precisam de renovação.

O resultado é excelente e o criopeeling é cada vez mais indicado por ser um procedimento seguro, simples e com incômodo baixo.

Além disso, ele dispensa intervenções cirúrgicas ou uso de químicos agressivos.

Publiquei outro artigo definindo criopeeling de forma mais detalhada. Você poderá ler mais em “O que é Criopeeling”

 

Criopeeling para Tratamento de Acnes – Eficácia

Criopeeling para tratamento de Acnes - Técnica inovadora e eficaz

Criopeeling para tratamento de Acnes – Técnica inovadora e eficaz

Indo um pouco a fundo em relação ao criopeeling e o tratamento contra acne, podemos explicar a sua eficácia especialmente devido ao congelamento do CO2 aplicado na pele.

No momento da aplicação, a pele com acne sofre pequenos traumas, que causam a famosa renovação celular. Essa renovação faz com que as espinhas sejam não só eliminadas, mas não deixem marcas indesejadas.

Além disso, o tratamento faz com que haja uma cicatrização do local afetado, acabando com as inflamações e possíveis infecções na região.

Alguns pontos são importantes de saber sobre esta técnica:

– O período de tratamento pode variar dependendo do grau de Acne, indo de 2 semanas a 3 meses de aplicações. É importante lembrar o paciente que cada caso possui suas particularidades. Isto é, embora o criopeeling seja muito eficaz, fatores individuais podem intervir no resultado.

– O criopeeling, apesar de não ter efeito imediato, pode causar melhoras logo na primeira aplicação. Mais uma vez, essa percepção irá depender de cada paciente e da gravidade da acne.

– O tratamento não é indolor, porém, é muito menos incômodo que os tradicionais. A sensação de congelamento é fácil de se acostumar e dispensa procedimentos mais invasivos que podem causar efeitos colaterais.

 

Vale a pena lembrar que os pacientes devem seguir as orientações do dermatologista para evitar problemas derivados do procedimento.

É essencial também realizar intervenções estéticas sempre com profissionais devidamente qualificados. Esta qualificação os tornam conhecedores dos cuidados que a técnica exige.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.